18/11/2011

Cai a taxa de analfabetismo em Porto Alegre

A taxa de analfabetismo entre os moradores de Porto Alegre, que era de 3,44% no ano de 2000, diminuiu para 2,3% em 2010.
Esta taxa indica o percentual da população com idade igual ou superior aos 15 anos que não sabe ler ou escrever. Portanto, a queda na taxa de analfabetismo aponta que, na comparação entre os anos de 2000 e 2010, em Porto Alegre, diminuiu a parcela da população, nesta faixa etária, que não sabia ler e escrever.
Em 2000 eram 35.928 residentes em Porto Alegre com 15 anos ou mais que não sabiam ler e escrever. Este número passou para 26.045 em 2010.
O resultado positivo acompanhou a queda verificada no Estado do Rio Grande do Sul, onde a taxa passou de 6,7%, em 2000, para 4,5%, em 2010.
Por faixas de idade, entre as pessoas com 15 anos ou mais residentes em Porto Alegre, a menor taxa de analfabetismo foi verificada entre aquelas com idade entre 15 e 24 anos. Neste grupo, a taxa passou de 2,3%, em 2000, para 1,5%, em 2010.
Diferentemente, a maior taxa foi entre as pessoas com 60 anos ou mais. Para os moradores da cidade que se encontram nesta faixa etária, a taxa diminui de 8,8%, em 2000, para 5,5%, em 2010. Apesar da diminuição, o analfabetismo, ainda, continua alto para este segmento, indicando um desafio para a cidade.
Para as pessoas com idade entre 25 e 59 anos, a taxa passou de 2,9%, em 2000, para 1,7%, em 2010.

Estas e outras informações sobre a população foram divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e resultam do Censo Demográfico aplicado no País em 2010.

Acesse Porto Alegre em Análise para dados históricos da taxa de analfabetismo na cidade.

As informações do Censo Demográfico estão disponibilizadas no site do IBGE, em Publicações.



  

Contato

Rua Uruguai, 155 / 11º andar - Sala 20
Porto Alegre-RS/Brasil - CEP 90010-140
Fone: 55 51 3289-6664 e 55 51 3289-6684
e-mail: observapoa@observapoa.com.br

Newsletter




Desenvolvimento procempa
Prefeitura de Porto Alegre
Prêmio Cidades Sustentáveis